09 janeiro 2014

[Nova York 2013] 2º dia: Museu de História Natural / Central Park

Hoje, 21/06/2013, começa oficialmente o verão no hemisfério norte, com o dia mais longo do ano, o chamado solstício de verão. Teremos, então, dias mais quentes pela frente.

Vamos começar com os relatos de hoje.

ROTEIRO ORIGINAL (Sexta – 21/06/2013):

Museu de História Natural (CityPass).
Lanche da tarde: Shake Shack.
Central Park.
Jantar: Angelo’s Pizza.

RELATO DO DIA:

Resolvemos tomar café da manhã na Pax Wholesome Foods, pois era caminho para a estação de metrô 59TH ST -COLUMBUS CIRCLE, que utilizaríamos para chegar ao Museu de História Natural. Gostamos bastante do local e da comida. Temos que indicar o pão e o recheio para o atendente preparar na hora. No início foi um pouco complicado, pois não sabíamos os nomes dos pães, porém era só usar o dedinho para apontar o pão desejado! Escolhemos o pão plain roll, que é um pão redondo feito com farinha branca normal, ou seja, não é integral. De recheio, pedimos ovo, presunto e queijo (egg, ham and cheese). Para beber, pedimos café com leite. E na parte de self-service, pegamos suco e um copo com frutas. No ritmo frenético de NY, achei que os atendentes foram bem pacientes e simpáticos conosco, afinal estávamos nos adaptando ainda a essa correria toda que é NY! 

Com o buchinho cheio, seguimos para a estação de metrô 59TH ST - COLUMBUS CIRCLE e aproveitamos para comprar na hora os nossos MetroCards 7-Day Unlimited Pass (cartão com acesso ilimitado ao metrô por 7 dias). Segui exatamente o itinerário do metrô obtido no site do MTA (Metropolitan Transportation Authority), conforme abaixo:

Entrar na estação 59th St - Columbus Circle sentido Uptown, linhas 1/A/B/C/D.
Pegar o metrô da linha C que termina na estação 168th St - Washington Hts.
Descer na estação 81st St - Museum of Natural History.

Prestando atenção nas placas de informação do metrô e tendo bastante calma, correu tudo muito bem e chegamos rapidinho ao Museu! 

Fachada do Museu de História Natural.


Chegamos logo para a abertura, que foi às 10:00AM, e assim que entramos pelo portão principal, tivemos que trocar o voucher do CityPass pelo efetivo talão de ingressos.

Logo no saguão de entrada, nos deparamos com um enorme esqueleto de um dinossauro T-Rex. Bem bacana!

T-Rex no saguão de entrada do museu.


O museu tem exposições bem bacanas. Porém, talvez as crianças e adolescentes se empolguem mais neste museu do que os adultos. Pelo menos foi como nos sentimos.

Várias exposições apresentam réplicas de animais.

Recomposição de um rosto humano a partir de um crânio encontrado.

Exposição especial sobre baleias.


Almoçamos no próprio museu e, depois de passear por quase quatro horas, resolvemos ir embora. Veja minha avaliação sobre o Museu de História Natural.

Demos a volta no quarteirão rumo à lanchonete tão badalada Shake Shack. Porém, a fila estava enorme e desistimos... Que pena!

Lateral do museu.

Planetário dentro do museu, com exposições especiais de filmes.

Lanchonete badalada Shake Shack e sua "pequena" fila de espera!


Daqui fomos para o Central Park. Entramos bem em frente ao museu, que fica entre as ruas W77th e W81st. Logo chegamos ao Great Lawn, um grande gramado, como o próprio nome em inglês indica. No verão, as pessoas simplesmente ficam estateladas pelo gramado pegando um bronze!

Great Lawn.


Depois, fomos em busca do Belvedere Castle, que tem uma entrada um pouco difícil de se encontrar. Pelo caminho, passamos pelo Delacorte Theater, teatro onde estava acontecendo apresentações gratuitas, por conta da programação de verão.

Estátua em frente do Delacorte Theater.


Finalmente encontramos o Belvedere Castle! A busca valeu super a pena. Do alto deste castelo, há uma vista linda do Central Park.

Belvedere Castle.

Linda vista do Great Lawn a partir do Belvedere Castle.

Delacorte Theater.


Continuamos seguindo ao sul pela East Drive rumo ao Conservatory Water, onde ficam as estátuas Alice in Wonderland e Hans Christian Andersen. No meio do caminho, nos deparamos com a estátua Still Hunt.

Still Hunt.

Conservatory Water.

Hans Christian Andersen.


Saindo do Conservatory Water e atravessando a East Drive está o Loeb Boathouse, onde há restaurante, café, aluguel de barcos, etc. Porém, só fizemos uma parada básica ao banheiro e continuamos seguindo ao sul rumo a Bethesda Terrace and Fountain, cenário de incontáveis filmes e séries!

Bethesda Fountain.

Bethesda Terrace.

Vista do Loeb Boathouse e a galera passeando de barco.


Foi aqui que resolvemos fazer um lanchinho e comer um típico hot-dog americano! Estava tão bom (ou a fome era grande?) que repetimos!

Daqui, seguimos a oeste para ver a Bow Bridge e também para visitar o Strawberry Fields, em homenagem ao John Lennon que foi assassinado lá perto.

Bow Bridge.

Mais gente passeando de barco!

Strawberry Fields - uma homenagem ao John Lennon.


Depois voltamos para a Bethesda Terrace e seguimos ao sul pelo caminho denominado The Mall, única linha reta do parque. Pelo caminho, encontramos o Naumburg Bandshell, que aparentemente estava sendo preparado para alguma apresentação, provavelmente por conta dos inúmeros eventos de verão que ocorrem pela cidade.

The Mall.

Naumburg Bandshell.


Depois de descansar um pouco em um dos vários bancos espalhados pelo The Mall, continuamos seguindo ao sul do parque quando chegamos ao Dairy Visitor Center. Bem no gramado em frente, estava acontecendo uma apresentação musical bem bacana, parecia música indiana, e resolvemos ficar e assistir um pouco.

Dairy Visitor Center.

Apresentação musical rolando!


Continuamos ao sul pela East Drive e encontramos uma bela vista do lago The Pond e, ao fundo, o Plaza Hotel, que estava com a fachada em reforma.

Bela vista com o Plaza Hotel ao fundo.


Finalmente, saímos na parte leste-sul do parque e bem na 5a Avenida! Que canseira!

Veja minha avaliação completa sobre o Central Park.

Atravessamos a rua e ficamos sentados na praça onde estão as lojas Apple e FAO Schwarz. Nesta praça, há várias cadeiras disponibilizadas e a tão bem-vinda internet Wi Fi gratuita da Apple! Ficamos um tempão apreciando a vista. Muito bom!

Loja da Apple.

Apreciando a vista!


Um pouquinho descansados, aproveitamos a oportunidade para visitar a loja de brinquedos FAO Schwarz, mas foi só para conhecer mesmo, pois não compramos nada!

Fachada da loja.

Entrando na loja. As crianças enlouquecem aqui!

The Big Piano - famoso pelo filme Quero Ser Grande com Tom Hanks.


Na volta para o hotel, passamos no restaurante Angelo’s Pizza, que é vizinho ao hotel, e pedimos um Fettuccine Alfredo é Pollo para viagem. Veja minha avaliação sobre o restaurante no TripAdvisor.

Abaixo, o mapa do trajeto aproximado percorrido a pé, algo em torno dos 6,75km. Afe! No fim do dia, estávamos exaustos!


View 2o dia - roteiro in a larger map


ESTIMATIVA DE GASTOS (exceto compras):

camareira: 2.00
café da manhã: 30.00
almoço: 60.00
jantar: 30.00
lanches: 30.00

GASTOS EFETIVOS:

camareira: 2.00
café da manhã: 16.81 (economizamos!)
MetroCard (para duas pessoas): 62.00 (não sabia da taxa que é cobrada!)
almoço (museu): 23.63 (economizamos!)
jantar: 20.03 (economizamos)
lanches: 15.00 (economizamos!)


Hoje o dia foi longo e cansativo, porém maravilhoso, basta ver pelas fotos!

Até!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...