23 junho 2017

[Peru 2017] Planejamento Inicial

Desde o início de 2016, eu alimentava uma vontade grande de conhecer o Peru, mais especificamente Machu Picchu. Contudo, pela falta de tempo para um bom planejamento, resolvi conhecer primeiro os Lençóis Maranhenses, que também foi uma viagem espetacular!

Quando 2017 se iniciou, chegou então o momento para concretizar este sonho. Foi quando comecei minhas pesquisas sobre o que visitar no Peru, melhor época para ir e duração ideal da viagem.

Dentre os vários blogs e outros sites que visitei, sem dúvida alguma o ponto de partida e principal fonte de inspiração para o meu roteiro foi a postagem do maravilhoso Viaje na Viagem! Nesta postagem específica, há a sugestão de um roteiro de 9 noites para uma primeira viagem ao Peru, incluindo Lima, Cusco, Vale Sagrado e Machu Picchu. Perfeito!

Fiz as adaptações que achei necessárias e pude então começar a resolver questões práticas, levando em consideração que viajaria com minha mãe, que entrou faz pouco tempo na melhor idade!

Enfim vamos ao que interessa!

A seguir, vou compartilhar tudo que fiz durante o planejamento inicial da minha viagem ao Peru, incluindo período e duração da viagem, compra de passagens aéreas, compra de passagens de trem, reserva dos hotéis, além da compra antecipada dos ingressos para Machu Picchu, algo importantíssimo.

1. Período e duração da viagem

Depois de pesquisar bastante sobre a melhor época para se viajar ao Peru (recomendo a leitura da ótima postagem sobre o assunto do blog Sundaycooks, que também me ajudou bastante no planejamento da minha viagem), descobri que o mais indicado é visitar a região no inverno (entre os meses de maio a setembro), justamente por ser o período com menos chuvas na região.

Sendo assim, marquei nossa viagem para o período de 27/05/2017 a 08/06/2017, totalizando em 10 dias inteiros.

2. Compra das passagens aéreas

Compramos (com três meses de antecedência) as passagens na LATAM, na opção de múltiplos destinos, conforme abaixo:

- Trecho 1: Manaus / Cusco
Saindo de Manaus no dia 27/05/2017, com conexão em Guarulhos e Lima, e chegando a Cusco no dia 28/05/2017.

- Trecho 2: Cusco / Lima
Saindo de Cusco no dia 05/06/2017 em voo direto para Lima.

- Trecho 3: Lima /Manaus
Saindo de Lima no dia 08/06/2017, com conexão em Guarulhos.

O valor da passagem, ida e volta, custou R$1.296,04 + R$ 361,66 (taxas), totalizando em R$1.657,70 por pessoa.

3. Escolha dos hotéis

Para escolher os hotéis, e principalmente o período de hospedagem em cada um, é necessário escolher previamente as cidades e saber quanto tempo será necessário para visitar suas principais atrações.

Como falei no início desta postagem, usei de inspiração o roteiro do blog Viaje na Viagem, com algumas adaptações. Em resumo, iniciaremos nossa viagem pela cidade de Cusco, depois visitaremos o Vale Sagrado rumo à cidade de Ollantaytambo, onde nos hospedaremos para uma visitação mais tranquila de seu sítio arqueológico. Daqui, pegaremos o trem para a pequena cidade de Aguas Calientes, também conhecida como povoado de Machu Picchu, onde faremos um pernoite para visitar o Parque Arqueológico de Machu Picchu sem correria. De Aguas Calientes pegaremos um trem até Poroy, estação mais próxima de Cusco, onde faremos um pernoite estratégico, pois nosso voo para Lima só sai no dia seguinte. Finalizaremos nossa viagem em Lima.

Para escolher um hotel, levo em consideração simultaneamente três critérios: avaliação, preço e localização. Assim, considero três sites imprescindíveis nesta escolha: TripAdvisor, Hoteis.com e Google Maps. O Hoteis.com é um site que tem ofertas de hotéis, como o Decolar, Booking, entre outros. Gosto deste site pelos seguintes motivos: valores em Real com possibilidade de parcelamento no cartão de crédito; várias opções de hotéis e; o diferencial, programa de fidelidade, fazendo com que você ganhe diárias grátis (para maiores informações sobre este programa de fidelidade, sugiro visitar o site). Já o TripAdvisor contém diversas avaliações de turistas e residentes sobre atrações, restaurantes e hotéis pelo mundo.

No final, ficou assim (todos os valores correspondem a quarto duplo e reservas efetuadas pelo Hoteis.com):

- 27/05/2017 a 28/05/2017 (Aeroporto de Guarulhos): TRYP by Wyndham São Paulo Guarulhos Airport
Como o tempo de conexão em Guarulhos será de 15 horas, resolvi reservar o pernoite neste hotel que fica dentro da área reservada para embarques internacionais, partindo dos terminais 2 e 3 de Guarulhos. Ou seja, o hotel é acessível apenas por passageiros de voos internacionais futuros, sendo necessário passar pela área de embarque internacional, apresentando bilhete válido e, consequentemente, passagem pela Polícia Federal para a imigração. Café da manhã incluído. Check-in a partir das 14:00. Check-out até às 12:00.
  • Valor da diária: R$351,49 x 1 diária
  • Impostos e taxas: R$7,03
  • TOTAL: R$358,52

- 28/05/2017 a 01/06/2017 (Cusco): Ramada Costa del Sol Cusco
Hotel bem localizado, próximo a Plaza de Armas de Cusco, e com boa avaliação no TripAdvisor. Café da manhã incluído. Check-in a partir das 11:00. Check-out até às 09:00.
  • Valor da diária: R$361,87 x 4 diárias
  • Impostos e taxas: R$188,16
  • TOTAL: R$1.635,64

- 01/06/2017 a 03/06/2017 (Ollantaytambo): El Albergue Ollantaytambo
Hotel localizado dentro da estação de Ollantaytambo de onde partem os trens para Aguas Calientes. Considerado o hotel número 1 do ranking do TripAdvisor na cidade de Ollantaytambo. Café da manhã incluído. Check-in a partir das 15:00. Check-out até às 11:00.
  • Valor da diária: US$99.00 x 2 diárias
  • Impostos e taxas: US$19.80
  • TOTAL: US$217.80 (único hotel a ser pago diretamente no local)

- 03/06/2017 a 04/06/2017 (Aguas Calientes): Tierra Viva Machu Picchu
Hotel com boa localização em Aguas Calientes e com ótima avaliação no TripAdvisor. Café da manhã incluído. Check-in a partir das 12:00. Check-out até às 10:00.
  • Valor da diária: R$367,35 x 1 diária
  • TOTAL: R$367,35

- 04/06/2017 a 05/06/2017 (Cusco): LP Los Portales Cusco
Hotel apenas para o pernoite em Cusco antes de pegar o voo para Lima. Então não me preocupei com uma localização tão central. Boa avaliação no TripAdvisor. Café da manhã incluído. Check-in a partir das 11:00. Check-out até às 10:00.
  • Valor da diária: R$231,37 x 1 diária
  • Impostos e taxas: R$30,23
  • TOTAL: R$261,60

- 05/06/2017 a 08/06/2017 (Lima): Tierra Viva Miraflores Larco
Hotel com ótima localização em Lima, no bairro de Miraflores, e com ótima avaliação no TripAdvisor. Café da manhã incluído. Check-in a partir das 14:00. Check-out até às 12:00.
  • Valor da diária: R$348,96 x 3 diárias
  • TOTAL: R$ 1.046,88

Portanto, ao todo são 12 diárias, distribuídas em 6 hotéis, com um custo total, para quarto duplo, de R$3.669,99 pagos antecipadamente no cartão de crédito e de US$217.80 a ser pago no hotel em Ollantaytambo.

4. Compra dos bilhetes de trem

Uma das formas de se chegar e sair de Aguas Calientes (povoado de Machu Picchu), é por trem. Existem duas empresas operando, a Peru Rail e a Inca Rail.

Depois de pesquisar bastante e comparar as duas empresas, escolhi comprar nossas passagens de trem na Inca Rail, também com uma antecedência de 3 meses. Apesar de a Peru Rail ter uma oferta maior de trens com diferentes horários de saída, gostei mais das avaliações da Inca Rail, principalmente por contar com um vagão de primeira classe, incluindo um serviço diferenciado. Com relação a preços, achei as duas empresas similares, com exceção da primeira classe da Inca Rail, que é mais cara, obviamente.

O site da Inca Rail é bem organizado e explicativo e não tive qualquer dificuldade em comprar nossas passagens utilizando cartão de crédito. Ressalte-se que, como é uma compra internacional, haverá incidência de IOF no cartão de crédito.

Compramos o percurso Ollantaytambo - Aguas Calientes na primeira classe, saindo às 11:15 da estação de Ollantaytambo e chegando às 12:45 na estação de Aguas Calientes, totalizando em um percurso de 1:30h. A passagem custou US$121.00 por pessoa. De acordo com o site, o bilhete de primeira classe inclui drink de boas vindas, almoço gourmet, sucos de frutas frescas e chás.

Além disso, compramos o percurso Aguas Calientes - Poroy (estação de trem mais próxima de Cusco) na classe executiva, saindo da estação de Aguas Calientes às 16:12 e chegando na estação de Poroy às 19:38, totalizando em um percurso de 3:30h. A passagem custou US$133.00 por pessoa. Infelizmente, para Poroy não há vagão de primeira classe disponível pela Inca Rail, somente há classe executiva, e com uma única disponibilidade de horário. Em compensação, a passagem estava mais barata que na Peru Rail.

No final de cada compra, recebi no meu e-mail os vouchers, que deverão ser trocados pelos bilhetes de embarque nas bilheterias da Inca Rail localizadas nas estações de trem, com 30 minutos de antecedência ao embarque.

Sendo assim, com bilhetes de trem gastamos um total de US$254.00 por pessoa, sem falar no IOF de 6,38% cobrado no cartão de crédito.

5. Compra dos ingressos para Machu Picchu

Também fiz questão de comprar os ingressos de acesso ao Parque Arqueológico de Machu Picchu com uma antecedência de 3 meses, uma vez que há limitação de 2.500 visitantes por dia.

A compra é feita no site oficial de Machu Picchu / Ministerio de Cultura. Existem diferentes tipos de ingresso, alguns incluem o acesso às montanhas de Machu Picchu e Huayna Picchu, que possuem um limite bem menor de visitantes por dia. Durante as minhas pesquisas, constatei que o acesso a essas montanhas exige mais de condicionamento físico e, como estou indo com minha mãe, achei melhor comprar o ingresso básico, com o qual você visita a principal parte do parque, que chamam de cidadela (cartão postal de Machu Picchu).

O site inclusive possui versão em português e comprei os ingressos sem qualquer dificuldade utilizando cartão de crédito. Cada ingresso custou 152 Soles acrescido de uma taxa de 6,13 Soles, totalizando em 158,13 Soles, por pessoa. Na fatura do cartão de crédito, o valor em Soles será convertido para Dólares (e depois para Reais), além da cobrança de IOF.

Após a confirmação do pagamento, os ingressos ficam disponíveis para download no próprio site oficial. Basta imprimir e apresentar diretamente na entrada do parque.

Para mais detalhes e dicas sobre os tipos de ingressos e de como comprar diretamente no site oficial, sugiro a leitura da postagem do blog Viaje na Viagem.

Informação Importante: A partir de 01/07/2017, a sistemática para a visitação do Parque Arqueológico de Machu Picchu irá mudar. Na verdade, como a venda de ingressos já está disponível para os períodos a partir desta data, o visitante já terá que se adaptar à essa alteração. Uma das principais mudanças é que o ingresso ao parque será separada em dois turnos: das 6:00 às 12:00 e das 12:00 às 17:30. Sendo assim, o visitante, no momento da compra do ingresso, deverá escolher seu turno e, durante a visitação ao parque, o turno escolhido deverá ser respeitado. Como não fui afetada com esta mudança, prefiro não dar mais detalhes. Recomendo, então, a leitura da postagem do blog Viaje na Viagem que explica detalhadamente cada alteração.

6. Compra dos bilhetes de ônibus para Machu Picchu

Como sou a louca do planejamento, resolvi comprar antecipadamente os bilhetes dos ônibus que levam até a entrada do Parque Arqueológico de Machu Picchu. A empresa oficial que opera esses ônibus é a Consettur e seu site permite a compra online dos bilhetes. Cada bilhete (ida e volta), por pessoa, custa US$ 24.00. Como é uma compra internacional, haverá incidência de IOF no cartão de crédito.

Após a confirmação do pagamento, os bilhetes ficam disponíveis para download no próprio site oficial. Basta imprimir e apresentar no momento de embarque no ônibus.

Os ônibus começam a sair de Aguas Calientes às 05:30 e o percurso até a entrada de Machu Picchu dura cerca de 20 minutos.

7. Seguro viagem

Resolvi contratar um seguro viagem com a empresa Mondial. Escolhi o plano America do Sul Standard que, para o período da viagem, custou R$165,58 por pessoa. Contratação feita diretamente no site, com pagamento no cartão de crédito. As apólices são nominais e enviadas por e-mail.

8. Aplicativos úteis para smartphone

Dropbox: Consiste em uma pasta virtual onde armazeno todos os arquivos refentes ao planejamento da viagem e consigo acessá-los de qualquer lugar. No smartphone, é possível acessar os arquivos até sem internet disponível, contanto que estes tenham sido marcados como "disponível offline". Existem outros aplicativos de pastas virtuais, como por exemplo, o Google Drive.

Google Maps: Até as minhas viagens anteriores, gostava de usar o aplicativo para smartphone do TripAdvisor por conta da opção de baixar mapas das principais cidades do mundo para utilizá-los offline, ou seja, sem internet, apenas com o sistema de localização (GPS) do celular. Contudo, tanto o site quanto o aplicativo do TripAdvisor vêm passando por alterações que, para mim, complicaram a sua utilização. Por conta disso, dessa vez resolvi utilizar a funcionalidade de salvar mapas offline do aplicativo do Google Maps. Então, antes da viagem, salvei o mapa de algumas áreas do Peru, principalmente Cusco e Lima, para utilizar offline e assim me localizar pelas cidades sem precisar dos antiquados mapas em papel!

Este foi o planejamento inicial da minha viagem ao Peru com minha mãe. Aproveite e acompanhe as demais postagens sobre o planejamento do roteiro e o planejamento financeiro desta viagem, além das postagens dos relatos diários, com dicas, informações importantes e muitas fotos!

4 comentários:

  1. Oi Pat! Adorei a postagem, e já estou esperando pelo dia a dia. Certamente quando chegar a minha oportunidade de ir ao Peru, recorrerei a ela como fonte. Valeu! Bjs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Aldi! Continua acompanhando pois vc vai se encantar com as fotos e sua vontade de conhecer o Peru vai aumentar cada vez mais! Esperando aqui pela volta das postagens no seu blog! Bjs!

      Excluir
  2. Ricardo Peixoto24 junho, 2017 14:24

    Só vejo dicas valiosas. Obrigado!! Continua postando!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu que agradeço pelo comentário! Olha, taí um destino que não fazia parte da minha wish list mas que ganhou meu coração! Voltei apaixonada pelo Peru e agora só tenho maravilhas a compartilhar sobre este país lindo e de povo muito simpático. Recomendo viu Ricardo! Saudade de tu manoooo!!!

      Excluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...