30 setembro 2017

[Peru 2017] 11º dia: Lima (Pueblo Libre e Barranco)

Último dia de viagem pelo Peru... Uma hora tinha que acabar, né?!

Pela parte da manhã, visitamos o maravilhoso e imperdível Museo Larco, no distrito de Pueblo Libre. O museu tem um ótimo acervo de peças datadas do período pré-colombiano. Aproveitamos a oportunidade para almoçar no seu restaurante.

À tarde, visitamos o distrito de Barranco, conhecido por sua vida boêmia! Contudo, o cansaço extremo não nos deixou aproveitar o local da melhor forma possível... Mas programe-se para curtir a vida noturna em algum dos seus diversos bares e restaurantes.

E terminamos o dia com um jantar de despedida no restaurante Saqra, que se tornou nosso favorito em Lima. Só posso dizer que foi mais uma experiência gastronômica sensacional! Recomendo demais o Saqra!

A seguir, o relato detalhado deste dia, incluindo fotos, informações e uma comparação entre os gastos estimados com os gastos efetivos.

ROTEIRO ORIGINAL (Quarta-Feira 07/06/2017):

Pueblo Libre
    Museo Larco
Barranco
    Plaza Chabuca Granda
    Puente de los Suspiros
    Igreja La Ermita
    Museo Pedro de Osma

RELATO DO DIA:

Acordamos cedo e fomos tomar café da manhã, que está incluído na diária do hotel Tierra Viva Miraflores Larco.

Às 09:15, pegamos um táxi na frente do hotel e seguimos para o Museo Larco, localizado no distrito de Pueblo Libre, a cerca de 11km do distrito de Miraflores, onde estamos hospedadas. Antes de entrar no táxi, já negociamos o valor da corrida em $30,00 soles.

Chegamos ao museu às 09:45 e, de cara, já nos surpreendemos com sua beleza. Os pátios do museu são todos muito floridos, dando um colorido especial ao local.

Pátios floridos do Museo Larco, em Lima.

Belíssimo Museo Larco, em Lima.



Entramos na recepção do museu para comprar nossos ingressos, que estavam custando $30,00 soles por pessoa. Minha mãe, por ser idosa, pagaria a tarifa reduzida de $25,00 soles, contudo, por falta de troco, nos cobraram ao todo $50,00 soles.

Pegamos o mapa do museu e iniciamos nossa visitação por conta própria.

Museo Larco: perfeição em cada detalhe.

Iniciando a visitação do Museo Larco.


Museo Larco foi fundado em 1926 e possui uma vasta coleção de peças representativas de mais de 5 mil anos de história do Peru Pré-Colombiano, em exposição permanente nas suas galerias, incluindo uma sala, fora do prédio principal do museu, dedicada somente a peças eróticas do período pré-colombiano.

O museu é relativamente pequeno e de fácil visitação, porém, seu acervo é riquíssimo! Acho que teria valido à pena fazer uma visitação guiada. Fica a dica!

Peças em exposição na denominada "Galería de las Culturas".

Vasos com rostos estampados da cultura denominada "Mochica" (1-800 d.C.).

Adornos funerários em ouro. Grandes líderes eram sepultados utilizando este tipo de indumentária (1.300-1.532 d.C.).


Saímos do prédio principal do museu e fomos à procura da sala erótica, que fica ao lado do restaurante do museu. As peças são bem interessantes, tirei várias fotos... mas não acho apropriado mostrar aqui! :-)

O Museo Larco é belíssimo! Sem falar na sua ótima coleção de peças do Peru Pré-Colombiano. Agora entendo porque esta é a atração de Lima em primeiro lugar no ranking do TripAdvisor. Não deixe de incluir no seu roteiro!

Visitar o Museo Larco é uma experiência imperdível em Lima!

Jardins floridos e coloridos do Museo Larco.

Restaurante do Museo Larco. À direita, fica a denominada Sala Erótica do museu.


Às 12:00, o restaurante do Museo Larco abriu e pudemos entrar para almoçar. O ambiente é extremamente agradável e o serviço bastante atencioso.

Não pedimos entrada e fomos direto para o prato principal. Eu pedi um filé mignon ao molho funghi acompanhado de batatas, e mami pediu um frango ao forno acompanhado de legumes. Sendo sincera, a comida estava gostosa mas nada sensacional...

De sobremesa, não resisti em pedir um crème brûlée, minha sobremesa favorita na vida! Este sim estava maravilhoso!

Nosso almoço no restaurante do Museo Larco.


Abaixo, o detalhamento da nossa conta no restaurante do Museo Larco:

- Filé mignon: 45,00
- Frango ao forno: 36,00
- Crème brûlée: 20,00
- Chá: 7,00
- Limonada: 8,00
SUBTOTAL: 116,00
- Gorjeta (10%): 12,00
TOTAL: $128,00 soles


Depois do almoço, visitamos rapidamente a loja do museu e, às 13:30, pedimos um táxi até o distrito de Barranco. Negociando com o motorista, consegui fechar no valor de $30,00 soles a corrida.

Dica: É importante negociar o valor da corrida com o motorista do táxi. Eles sempre abaixam o preço! Mas lembre-se de fazer isso antes de entrar no carro.

Visitando a loja do Museo Larco.


Chegamos a Barranco às 14:00. Este distrito de Lima é conhecido por sua vida boêmia, possuindo diversos bares e restaurantes. Nos últimos anos, Barranco tem se tornado também um importante centro cultural.

Iniciamos nosso passeio pela Plaza Chabuca Granda, onde está a Iglesia La Ermita, datada originalmente do século XVIII. A igreja, que chama atenção pela sua cor amarela, era apenas uma pequena capela, porém, depois de ter sido destruída em um incêndio, foi reconstruída em 1882 e elevada à categoria de paróquia em 1903.

Iniciando o passeio por Barranco pela Plaza Chabuca Granda.

Iglesia La Ermita, no distrito de Barranco.


Contornando a igreja, há um caminho que leva ao mirante Catalina Recavarren, com uma bela vista para a orla e o Oceano Pacífico. Pudemos ver muito iates ancorados e, mais ao fundo, o Planetário de Lima.

Pedacinho do distrito de Barranco, em Lima.

Bela vista para o Oceano Pacífico a partir do mirante Catalina Recavarren, no distrito de Barranco.

Mirante Catalina Recavarren, no distrito de Barranco.


Depois de apreciar a bela vista do mirante Catalina Recavarren, voltamos para a praça em frente à igreja e atravessamos a Puente de los Suspiros que, visualmente, nada se parece com a ponte homônima em Veneza! Aqui a ponte leva este nome devido aos inúmeros romances que iniciaram no Barranco. A Puente do los Suspiros, datada de 1876, é construída em madeira e por debaixo da ponte atualmente está o caminho que leva à praia.

Puente de los Suspiros, que leva esse nome pelos inúmeros romances que iniciaram aqui.

Atravessando a Puente de los Suspiros, no distrito de Barranco.


Depois de cruzar a Puente de los Suspiros, chegamos à Plaza de Armas de Barranco, onde está a Iglesia Santísima Cruz de Barranco. Ao redor da praça, há vários restaurantes, lanchonetes, bares e cafeterias, além de alguns prédios públicos.

A ideia era visitar o Museo Pedro de Osma, mas como o museu estava distante e o cansaço já tinha tomado conta, desistimos da ideia... O museu parece ser bem interessante e está bem avaliado no TripAdvisor. Infelizmente, vai ficar para uma próxima oportunidade.

Passeando pelo charmoso distrito de Barranco, em Lima.

Iglesia Santísima Cruz de Barranco, ao redor da Plaza de Armas de Barranco.

Biblioteca Pública do distrito de Barranco.

Plaza de Armas de Barranco.

Plaza de Armas de Barranco.

Passeando por Barranco.

Os murais coloridos também estão presentes no Barranco.

"O mundo é um sistema em equilíbrio instável".


O Barranco é um distrito que merece ser visitado e bem explorado. Seria interessante chegar aqui no final da tarde para aproveitar a bela vista para o Oceano Pacífico, e curtir a vida noturna em um dos seus inúmeros bares/restaurantes.

No caso de minha mãe e eu, o cansaço de 10 dias de uma viagem intensa tomou conta neste último dia no Peru. Por isso, não conseguimos aproveitar o Barranco da maneira devida! Às 15:15, pegamos o ônibus do Metropolitano na estação Bulevar, pertinho da Plaza de Armas de Barranco, rumo ao distrito de Miraflores, onde estamos hospedadas. Dessa vez conseguimos pegar um ônibus bem tranquilo!

Informação Importante: O Metropolitano é o sistema de trasporte público de Lima e conta com uma rede de ônibus em linha expressa. É necessário comprar um cartão pré-pago para utilizar o sistema. A emissão do cartão custa $4,50 soles e cada passagem custa $2,50 soles (junho/2017). A cada utilização, o valor da passagem é descontado do valor recarregado previamente no cartão.

Utilizando o transporte público de Lima!


Descemos na estação Benavides e fomos caminhando pela Avenida Alfredo Benavides até chegar ao hotel, por volta das 16:00. Devolvi o cartão do Metropolitano na recepção do hotel, que havíamos emprestado no dia anterior, e fomos para o quarto descansar.

Às 18:00, saímos novamente para o nosso jantar de despedida no restaurante Saqra, que se tornou nosso preferido em Lima!

Não podia deixar o Peru sem experimentar o tradicional ceviche, então, este foi o meu pedido de entrada! De prato principal, minha mãe pediu camarões ao alho servidos sobre polenta, e eu pedi espetinhos de filé mignon acompanhados de batata. De sobremesa, pedimos trufas de chocolate sobre crème brûlée de banana. Gente, a comida do Saqra é excepcional! Fechamos nossa viagem com chave de ouro, com uma experiência gastronômica divina! Sem falar na nossa atendente Diana que sempre nos tratou com o maior carinho, paciência e atenção.

Nosso jantar maravilhoso de despedida no restaurante Saqra. Recomendo!


Abaixo, o detalhamento da nossa conta no restaurante Saqra:

- Ceviche de pescado: 34,00
- Anticuchos de lomo: 46,00
- Langostino al ajo: 36,00
- Butuelos de chocolate: 32,00
SUBTOTAL: 148,00
- Gorjeta (11%): 16,00
TOTAL: $164,00 soles


Depois desse maravilhoso jantar, voltamos ao hotel. Aproveitei para agendar o nosso traslado até o aeroporto no dia seguinte. Acertamos o valor de $60,00 soles.

Agora é arrumar as malas e voltar para casa!

Abaixo, o mapa com os lugares visitados neste último dia de viagem:




GASTOS DIÁRIOS (em soles peruanos, para duas pessoas):

ESTIMATIVA DE GASTOS GASTOS EFETIVOS ECONOMIA
Museo Larco: 2x30,00=60,00 Museo Larco: 50,00 10,00
Almoço (Museo Larco): 200,00 Almoço (Museo Larco): 128,00 72,00
Museo Pedro de Osma: 2x20,00=40,00 Museo Pedro de Osma: 0,00 40,00
Jantar e Lanche: 100,00 Jantar e Lanche: 164,00 -64,00
Gorjeta camareira: 5,00 -5,00
Táxi até Museo Larco: 30,00 -30,00
Táxi até Barranco: 30,00 -30,00
400,00 407,00 -7,00
Saldo Anterior: 641,45/ Saldo Atual: 234,45 / Economia Geral: 709,33

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...