30 setembro 2018

[China/Japão 2018] Planejamento Financeiro

Depois de ter o roteiro montado (veja a postagem de Planejamento do Roteiro), fica mais fácil fazer o planejamento financeiro da viagem com a estimativa de gastos diários. Incluo nesta estimativa gastos com alimentação, transporte, ingressos, entre outros.

Como estou fazendo esta viagem sozinha, os gastos estimados abaixo são referentes a uma pessoa somente. Além disso, sempre opto em estimar o valor um pouco para cima. Antes sobrar dinheiro do que faltar!

- Dinheiro x Cartão de Crédito x VTM

Eu gostava muito de utilizar nas minhas viagens internacionais o cartão pré-pago denominado Visa Travel Money (VTM). Porém, com a edição e publicação do Decreto nº 8.175, de 27 de dezembro de 2013 (revogado pelo Decreto nº 8.325, de 7 de outubro de 2014, mas que mantém o percentual de tributação), a recarga de cartões VTM passou a ser tributada com a mesma alíquota que os gastos internacionais utilizando cartão de crédito, ou seja, 6,38% (anteriormente a alíquota praticada na recarga era 0,38%, tal como na compra de moeda em espécie, mas esta já foi majorada para 1,1%). Com isto, parei de utilizar o cartão VTM por não considerá-lo mais vantajoso. Portanto, ultimamente considero a melhor opção levar dinheiro em espécie. Além do mais, prefiro não usar cartão de crédito em viagens internacionais, contudo, sempre viajo com o cartão de crédito desbloqueado.

E no caso de viagem à Ásia, considero melhor levar dólares para serem trocados pela moeda local.

- Alimentação

Para estimar gastos com alimentação, geralmente costumo procurar os cardápios dos restaurantes que pretendo ir durante a viagem, pois adoro um turismo gastronômico. Porém, este não será o objetivo desta viagem, pelo menos não na parte da China, principalmente em Pequim. Sendo assim, fiz uma vasta pesquisa na internet e cheguei a um valor estimado de $150,00 yuans para gastos diários com alimentação em Pequim.

Para Xangai estimei um valor diário bem maior para alimentação, no caso $350,00 yuans. Isso porque, além de a cidade ter um custo mais elevado, pretendo ir em restaurantes mais caros.

Tóquio, por sua vez, oferece opções gastronômicas para todos os bolsos. Conversando com a minha amiga Bianca Shibuya, do ótimo perfil @conhecendojapao, resolvi estimar o valor de $5.000 ienes para gastos diários com alimentação em Tóquio. De acordo com a Bia, isto me daria alguma margem para ter experiências gastronômicas melhores, pelo menos no almoço.

- Transporte

Em todas as três cidades que visitarei existe metrô/trem e, obviamente, é o principal meio de transporte que utilizarei.

Como sou a louca do planejamento, simulei no Google Maps todos os percursos prováveis que farei durante a viagem e calculei o custo estimado que terei com metrô/trem conforme a tarifa praticada em cada cidade.

No caso de Pequim e Tóquio, é vantajoso (por sua praticidade) emitir os cartões de transporte público (Yikatong e Pasmo). No caso de Xangai, de acordo com a minha análise, é melhor adquirir o cartão válido por três dias ("Three-day Travel Pass").

Observação: Os cartões de transporte público Yikatong (Pequim) e Pasmo (Tóquio) são cartões recarregáveis e que possuem um custo de emissão. Porém, caso o cartão seja devolvido, o valor de emissão do cartão e o valor de recarga existente no cartão que não foi utilizado serão reembolsados.

Na planilha existem gastos estimados com outros transportes, tais como: o motorista para a Muralha da China (setor Mutianyu) e o possível táxi em Hangzhou para visitar a atração West Lake. 

- Ingressos

Os ingressos de atrações foram estimados de acordo com os valores encontrados em sites oficiais à época do planejamento financeiro desta viagem.


Agora, vamos para a estimativa dos gastos diários para uma pessoa, baseado no detalhamento acima. Note que os valores abaixo estão em yuans (moeda chinesa - CNY) e ienes (moeda japonesa - JPY). Ao final, faço a conversão para dólares, pois esta é a moeda a ser levada na viagem.

1. Sábado 01/09/2018: Chegada a Pequim (China)

Yikatong Card + Airport Express Train: 85
Alimentação: 150
SUBTOTAL: CNY 235

2. Domingo 02/09/2018: Pequim (Muralha da China - Setor Mutianyu)

Motorista (Muralha da China): 400
Ingresso (Muralha da China): 45
Cable Car + Tobogã (Muralha da China): 200
Alimentação: 150
SUBTOTAL: CNY 795

Observação: Conforme a postagem de Planejamento do Roteiro, expliquei que resolvi contratar o motorista chinês Michael Dong, que fala inglês fluente e que já recebeu muitos viajantes brasileiros, para levar meu amigo e eu ao setor Mutianyu da Muralha da China, para facilitar a logística. O valor cobrado é de $800 yuans, porém vou dividir o custo com meu amigo.

3. Segunda-Feira 03/09/2018: Pequim (Templo do Céu, Qianmen Street, Templo dos Lamas e Templo de Confucio)

Templo do Céu: 30
Templo dos Lamas: 25
Templo de Confucio: 30
Alimentação: 150
SUBTOTAL: CNY 235

4. Terça-Feira 04/09/2018: Pequim (Cidade Proibida, Parque Jingshan e Parque Beihai)

Cidade Proibida: 60
Parque Jingshan: 2
Parque Beihai: 20
Alimentação: 150
SUBTOTAL: CNY 232

5. Quarta-Feira 05/09/2018: Pequim (Palácio de Verão e Parque Olímpico)

Palácio de Verão: 30
Alimentação: 150
SUBTOTAL: CNY 180

6. Quinta-Feira 06/09/2018: Pequim / Xangai

Cartão do metrô "Three-day Travel Pass": 45
Alimentação: 350
SUBTOTAL: CNY 395

7. Sexta-Feira 07/09/2018: Xangai (Bund, Yu Garden, Pudong e Nanjing Road)

Yu Garden: 40
Shanghai World Financial Center (observatório): 180
Alimentação: 350
SUBTOTAL: CNY 395

8. Sábado 08/09/2018: Xangai (Bate-Volta Hangzhou e People's Square)

Táxi (West Lake): 70
Passeio de Barco (West Lake): 55
Maglev (trem de levitação magnética): 50
Alimentação: 350
SUBTOTAL: CNY 525

9. Domingo 09/09/2018: Tóquio (Parque Ueno, Asakusa e Tokyo Skytree)

Cartão de metrô/trem Pasmo: 5.020
Ueno Zoo: 600
Museu Nacional de Tóquio: 620
Tokyo Skytree: 4.000
Alimentação: 5.000
SUBTOTAL: JPY 15.240

10. Segunda-Feira 10/09/2018: Tóquio (Odaiba)

Trick Art Museum: 1.000
Alimentação: 5.000
SUBTOTAL: JPY 6.000

11. Terça-Feira 11/09/2018: Tóquio (Ginza, Tsukiji Market, Templo Zojoji e Roppongi)

Tokyo City View: 1.800
Alimentação: 5.000
SUBTOTAL: JPY 6.800

12. Quarta-Feira 12/09/2018: Tóquio (Harajuku, Omotesando e Shibuya)

Alimentação: 5.000
SUBTOTAL: JPY 5.000

13. Quinta-Feira 13/09/2018: Tóquio (Parque DisneySea)

Alimentação: 5.000
SUBTOTAL: JPY 5.000

14. Sexta-Feira 14/09/2018: Saída de Tóquio (Japão)

Alimentação: 5.000
SUBTOTAL: JPY 5.000

VALOR TOTAL ESTIMADO PARA A CHINA:   $3.167 yuans
VALOR TOTAL ESTIMADO PARA O JAPÃO: $43.040 ienes

Na época do planejamento desta viagem, a cotação do dólar para yuan estava 1USD = 6,64CNY e para iene estava 1USD = 110,34JPY.

Sendo assim, fazendo as devidas conversões, daria um valor total aproximado de $870 dólares ($480 para a China e $390 para o Japão). Por via das dúvidas, comprei $1.000 dólares para levar nesta viagem.


Agora vamos ver se o planejamento vai dar certo durante a viagem! Para isto, acompanhe as próximas postagens com os relatos diários, com dicas, informações importantes e muitas fotos!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...